Noções básicas sobre a leptina


A leptina é um hormônio que promove o armazenamento de gordura branca e costuma ser estimulada pela produção de células de gordura, criando um círculo vicioso de produção de gordura.

Ela bloqueia os receptores dos hormônios sexuais, incluindo o estrógeno, a progesterona e a testosterona.

Quando isso acontece, o corpo começa a armazenar hormônios em vez de usá-los como deveria, o que estimula o armazenamento de gordura.

Quando o organismo armazena estrógeno a mulher pode reter líquidos e aumentar de peso, por exemplo.

O estresse, a falta do café da manhã e as flutuações hormonais que ocorrem durante a gestação, o climatério e até mesmo a "andropausa", são causas mais comuns para a elevação na produção da leptina.

Estas circunstâncias fogem absolutamente ao nosso controle e, em razão disso, é necessário fazer de tudo o que esteja ao nosso alcance para que os hormônios sejam mantidos em harmonia pela hipófise, adequadamente metabolizados pelo fígado e prontamente disponíveis para auxiliar na formação de músculos e não para o armazenamento de gorduras.

Também é necessário "acalmar" as suprarrenais utilizando os alimentos como combustível adequadamente.

Para isso, uma dieta correta é fundamental, pois é o que está sob nosso controle, já que os outros fatores, como o envelhecimento, não tem como fugir.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Duloxetina: para tratamento de dores neurogênicas e enxaquecas.

Exame de urina

Equimoses