Total de visualizações de página

sábado, 30 de junho de 2012

Colírios com corticóides podem causar problemas




Os corticoesteróides são medicamentos antiinflamatórios potentes usados em diversas doenças como artrite reumatóide e outras doenças reumáticas, asma e outras doenças pulmonares, alergias, inflamações diversas, transplantes e após algumas cirurgias. Os corticóides mais usados na práticas médica são prednisona, prednisolona, hidrocortisona, dexametasona, metilprednisolona e beclometasona (via inalatória).

Em oftalmologia também são medicamentos muito usados em quadros como uveítes, em algumas conjuntivites e em pós operatórios. Em oftalmologia, os corticóides utilizados na forma de colírios são a prednisolona e a dexametasona.

Esses medicamentos são muito potentes e para certas doenças são a melhor e as vezes única opção de tratamento mas também apresentam muitos e importantes efeitos colaterais
No olho dois desses efeitos colaterais são muito importantes: catarata e glaucoma.

A catarata é uma doença que causa diminuição progressiva da visão e necessita de cirurgia para sua correção. Os corticóides podem causar um tipo de catarata chamada subcapsular posterior que é uma catarata de progressão rápida.

Tanto os corticóides usados por via oral, usados por via nasal (spray nasal para asma ou bronquite) ou como forma de colírios podem causar a catarata.

O glaucoma é uma doença que apresenta aumento da pressão ocular e lesa o nervo óptico causando uma cegueira irreversível se a pressão não for tratada. O uso dos corticóides causa aumento da pressão ocular podendo levar ao glaucoma. Muitas vezes a pressão ocular volta ao normal após o paciente interromper o uso dos corticóides mas em raros casos a pressão ocular pode continuar elevada, necessitando o uso de alguns colírios específicos para abaixar e controlar a pressão ocular.

Da mesma forma que na catarata, todas as formas de administração dos corticóides (oral, spray nasal e colírios) podem aumentar a pressão ocular.

Vale ressaltar que só algumas pessoas vão apresentar esses efeitos colaterais e que esses efeitos dependem do tempo de uso e da dosagem usada. Quanto mais tempo usar, mais chance de desenvolver esses efeitos colaterais.

Caso você use corticoesteróides, não interrompa o uso sem antes conversar com seu médico. Mas converse com ele sobre esses possíveis efeitos colaterais (que ele logicamente sabe que existem) e veja se há outra medicação que possa ser usada.

E o mais importante: Não pratique automedicação. Diversos colírios usados popularmente contém corticóides e podem fazer mais mal do que bem.

Os corticoesteróides tem muitos outros efeitos colaterais sistêmicos (em outros órgãos que não o olho). Já disse que esses medicamentos quando usados por via oral ou spray nasal podem causar os efeitos colaterais no olho mas o contrário é muito difícil de acontecer. Ou seja, usar colírios de corticóides dificilmente causarão efeitos colaterais sistêmicos.

10 comentários:

Victor Luiz disse...

Quais são os colírios popularmente utilizados que contém os corticóies, Dr. Carlos?

Victor Luiz disse...

Quais são os ditos colírios populares que contém corticóides, Dr. Carlos?

Carlos Rey disse...

Há vários: sugiro que você faça uma busca na internet, pois não gostaria de citar nomes comerciais neste blog. Agradeço sua compreensão.

juvilmar Rodrigues disse...

Boa tarde DR. Carlos Fui Diagnosticado com conjuntivite a mais de um mês, porém após a conjuntivite meus olhos continuaram com os vasos muitos vermelhos e quando acordo de manhã estão muito inchados, mais eu não sinto nada nem dor nem coceira e minha visão não está embaçada. Meu Oftalmologista me receitou um colírio corticoide (MAXIDEX) para usar durante 5 dias de 8 em 8 horas e um lubrificante (Lacribell) para uso continuo, os 5 dias do corticoide já expiraram e meus olhos voltaram a ficar muito vermelhos. O que devo fazer??? Será que posso voltar a usar o corticoide por mais 5 dias normalmente??? Obrigado

juvilmar Rodrigues disse...

Boa tarde DR.Carlos Fui Diagnosticado com conjuntivite a mais de um mês, porém após a conjuntivite meus olhos continuaram com os vasos muitos vermelhos e quando acordo de manhã estão muito inchados, mais eu não sinto nada nem dor nem coceira e minha visão não está embaçada. Meu Oftalmologista me receitou um colírio corticoide (MAXIDEX) para usar durante 5 dias de 8 em 8 horas e um lubrificante (Lacribell) para uso continuo, os 5 dias do corticoide já expiraram e meus olhos voltaram a ficar muito vermelhos. O que devo fazer??? Será que posso voltar a usar o corticoide por mais 5 dias normalmente??? Obrigado

Carlos Rey disse...

Dez dias de uso de colírio com cortisol não costuma causar problemas.
Mas, eu consultaria mais um oftalmo!

Marco Chiquini disse...

Dr. Carlos, gostaria de saber qual tipo de colírio é mais eficaz para olhos vermelhos? Uso o moura brasil mas fiquei sabendo que ele pode aumentar a pressão arterial, catarata e etc. Meu oftalmologista indicou ecofilm mas ele é só pra lubrificar.

Carlos Rey disse...

Para indicar um colírio, é preciso saber a causa do problema.
Sem a causa, não há como indicar...

Celso Accioly disse...

Boa noite doutor, ha uns anos eu fiz uma cirurgia para retirada de piterigio, mas o olho q foi feita este procedimento fica irritado e muito vermelho. principalmente qdo fico exposto ao sol (mesmo com óculos escuros) ou qdo fico em ambiente climatizado. Comprei uma solução oftalmológica (colírio) cuja formula é : cloridrato de nafozolina 0,15mg/ml, sulfato de zinco 0,3mg/ml. Ela resolve por um certo tempo a vermelhidão mas fiquei comedo de continuar usando por causa dessa história dos corticoides. O que o Dr. pode me aconselhar sobre isso.

Obrigado

Carlos Rey disse...

ste colírio não contém corticóides, mas contém nafazolina que é um vasoconstrictor, que também pode causar problemas sérios para seus olhos. Sugiro que você procure seu oftalmologista para que você faça um tratamento adequado.