Translate

Total de visualizações de página

quarta-feira, 3 de maio de 2017

Estresse Pós-Traumático


Transtorno de estresse pós-traumático (TEPT) é um transtorno de ansiedade extrema que pode desenvolver-se após a pessoa passar por um evento traumático que ameaçou a sua segurança a fez sentir-se impotente.

Pode afetar também pessoas que possui uma experiência pessoal com fatalidades, ou aquelas que testemunham essa situação, como os profissionais de emergência e os agentes da lei. Isto pode ocorrer até mesmo com amigos ou familiares daqueles que passaram pelo trauma real.

O TEPT desenvolve-se de forma diferente de pessoa para pessoa. Os sintomas de TEPT aparecem mais comumente nas horas ou dias seguintes ao acontecimento traumático e algumas vezes pode durar semanas, meses, ou mesmo anos até que desapareçam.

Embora pareça que jamais vai superar o que aconteceu, procurar tratamento, buscar apoio e desenvolver novas habilidades poderá ajudar a pessoa a superar o transtorno de estresse pós-traumático e seguir em frente com a sua vida.

Os eventos traumáticos que podem levar o trasntorno de etresse pós-traumático TEPT incluem:

Guerra
Desastres naturais
Acidentes de carro ou avião
Ataques terroristas
A morte súbita de um ente querido
Estupro
Sequestro
Assalto
Abuso sexual ou físico
Descaso na Infância

Ou qualquer evento devastador que deixa a pessoa presa e sentindo-se impotente e sem esperança.

Após um evento traumático, quase todo mundo experimenta pelo menos alguns dos sintomas de transtorno de estresse pós-traumático. Quando o senso de segurança e confiança é abalado, é normal sentir-se um pouco louco ou desorientado.

É muito comum ter pesadelos, sentir medo, e achar que é difícil parar de pensar sobre o que aconteceu. Essas são reações normais a eventos anormais.

Para a maioria das pessoas, no entanto, estes sintomas são de curta duração. Eles podem até durar vários dias ou mesmo semanas, mas eles gradualmente cessam.

Se a pessoa possui transtorno de estresse pós-traumático (TEPT), os sintomas não diminuem e a pessoa não sente melhora. Na verdade, ela pode piorar a cada dia.

Uma reação normal ao trauma se torna TEPT quando a pessoa fica presa.

Após uma experiência traumática, a mente e o corpo ficam em estado de choque. Mas, quando a pessoa entende o que aconteceu e processa suas emoções, ela consegue sair da situação.

Com o transtorno de estresse pós-traumático (TEPT), no entanto, permanece em estado de choque psicológico. A memória do que aconteceu e os sentimentos sobre o assunto estão desconectados. Para seguir em frente, é importante enfrentar, sentir as lembranças e as emoções.

Os sintomas do transtorno de estresse pós-traumático (TEPT) podem surgir de repente, aos poucos, ou ir e vir ao longo do tempo.

Às vezes os sintomas surgem aparentemente do nada. Em outros momentos, eles são acionados por memória do evento traumático original, como um ruído, uma imagem, um cheiro ou certas palavras.

Há bem mais fatores a considerar, mas a essência é o que está acima. Sintomas específicos, tratamento e demais questões poderão ser abordadas em breve.
Postar um comentário