Vai para a sauna? Leia algumas informações!


A sauna consiste em uma cabine, tipo uma pequena sala ou quarto, muito aquecida, na qual as pessoas permanecem por alguns minutos, após o que frequentemente se segue um banho de chuveiro (ducha) de água fria. Há basicamente dois tipos de sauna: "sauna a vapor" (sauna úmida ou banho turco), geralmente aquecida por vapor de água e "sauna seca" (banho finlandês), que utiliza pedras aquecidas ou outro material também aquecido, sem liberar vapor.

Mais comumente as saunas são construídas em clubes e hoteis e, mais raramente, em residências. Elas podem ser saunas a vapor, saunas secas ou ambas.

Dentro de uma sauna úmida (a vapor), um dispositivo adequado ferve água e libera no ar o vapor resultante. Uma sala de vapor é quase hermética, o interior dela é revestido de azulejo e a umidade chega a atingir os 100 por cento. O ar úmido e aquecido faz com que a água condense nas paredes e no teto. Por isso, as salas de vapor têm geralmente tetos inclinados, de modo que a água condensada escorra para baixo e desça pelas paredes e não goteje sobre os usuários.

Numa sauna seca, um aquecedor aquece uma pilha de pedras que irradia calor para o cômodo. Na maioria das saunas secas, o usuário pode derramar água sobre as rochas aquecidas para gerar vapor e aumentar um pouco a umidade, embora ela ainda fique longe do nível atingido numa sala de vapor. O interior das saunas secas deve ser revestido de madeira, porque a madeira absorve a umidade existente e impede a dissipação do calor. Também os assentos são construídos de madeira, porque isso mantém suas superfícies mais frias e utilizáveis. Do contrário, bancos de metal ou paredes de azulejos se aqueceriam ao ponto de não poderem ser utilizados.

Como o ar ou o vapor quentes sempre sobem, devido à sua menor densidade, quanto mais alto a pessoa se sentar, mais calor ela obterá. As saunas geralmente têm um respiradouro perto do chão, que permite a entrada de algum ar fresco. As saunas secas são consideravelmente mais quentes do que as saunas a vapor, embora por causa da variação na umidade, a pessoa possa não se dar conta dessa diferença.

Idealmente, deve-se tomar duas sessões por semana já que os efeitos do banho de sauna permanecem por cerca de três dias no organismo. Cada sessão deve durar de 10 a 15 minutos, não sendo recomendável fazer três ou mais sessões por semana. A sauna úmida raramente ultrapassa os 60ºC, mas a umidade pode chegar a 100%, fazendo a pessoa se sentir muito mais quente. Já na sauna seca, o corpo humano pode tolerar temperaturas superiores a 80°C, com um nível de umidade de 5 a 30%.

Normalmente usa-se temperaturas menores que estas. A temperatura usual para a sauna a vapor fica entre os 40 e 50ºC, e para a sauna seca, 60ºC. O ideal é usar-se o mínimo de roupa possível e estar descalço. Os homens costumam usar uma sunga e as mulheres um biquíni. Em alguns países, e mesmo no Brasil, se as circunstâncias permitem, adota-se a completa nudez. A pessoa deve estar com o intestino e a bexiga vazios, retirar do corpo todos os objetos metálicos e interpor uma toalha entre o assento e o corpo.

Numa sessão de sauna perde-se de 0,5 Kg a 2,5 Kg de peso corporal, devido ao suor intenso, representado, principalmente, por líquidos e sais. Por isso, deve-se criar o hábito de ingerir sucos ou outras bebidas não alcoólicas e comida com mais sal depois de cada sessão de sauna. A sauna não desidrata, unicamente reduz temporariamente o nível de umidade corporal. Cuidado com as bebidas alcoólicas durante as sessões de sauna, porque elas, sim, são desidratantes!

A sauna alivia as dores de coluna devidas à má postura, aumenta a circulação sanguínea, promove a hidratação da pele e a transpiração que causa a desobstrução dos poros, combate o estresse e a hipertensão arterial, aumenta a temperatura interna, produzindo os efeitos positivos da chamada "febre curativa", elimina o ácido lácteo e o ácido úrico e é um bom sedativo para pessoas com insônias. Além disso, relaxa a musculatura, limpa e desobstrui as vias respiratórias e, através do suor, expulsa impurezas do organismo e combate algumas doenças do sistema respiratório.

As saunas a vapor podem ser mais confortáveis para pessoas com alergias ou congestionamento no peito ou nos seios nasais. As saunas secas são a melhor escolha para pessoas com condições que possam ser agravadas pela umidade, como a artrite reumatoide, por exemplo. Além disso, a sauna tem a virtude de promover o convívio social entre seus frequentadores e melhorar o humor do usuário. No entanto, a frequência habitual ou prolongada em saunas deve ser orientada por um médico, pois certas patologias respiratórias e circulatórias não se beneficiam com a permanência no ambiente quente das saunas, ou até pioram.

Não há nenhuma evidência para sustentar a afirmação popular de que esses "banhos de calor" sirvam para desintoxicar o corpo. Da mesma forma, a crença de que as saunas ajudam a perder peso é muito exagerada. A sudorese que a sauna provoca é suficiente para levar a uma diminuição no peso, mas a perda é somente momentânea e quase totalmente de água e sais.

A sauna é contraindicada para pessoas com deficiências cardíacas ou circulatórias graves e para pessoas que sofram de hipotensão arterial ou arteriosclerose e não deve ser frequentada durante o período de digestão, durante a menstruação ou gestação, nem por pessoas que tenham qualquer doença contagiosa.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Duloxetina: para tratamento de dores neurogênicas e enxaquecas.

Exame de urina

Equimoses