Cirurgia de hérnia de disco: laminectomia


A laminectomia é um tipo de cirurgia de coluna usada para aliviar a compressão da coluna vertebral. Nessa cirurgia remove-se a lâmina (parte do osso que forma o arco vertebral da coluna) e/ou os bicos de papagaio. Essas estruturas podem pressionar a medula espinhal ou as raízes dos nervos e causar:

- dor branda a intensa na coluna
- dormência ou fraqueza nas pernas
- dificuldade para andar
- perda de controle da bexiga e dos movimentos intestinais

Somente se faz uma laminectomia se os sintomas interferirem na rotina do paciente e. quando tratamentos menos invasivos falharam.

A cirurgia também é chamada de:

- laminectomia lombar
- laminectomia cervical
- laminectomia descompressiva

A laminectomia é frequentemente usada para aliviar os sintomas da estenose (estreitamento) da coluna. Nesta doença, a coluna vertebral se estreita e pressiona a medula espinhal ou os nervos. A estenose vertebral pode ser causada por:

- envelhecimento (os discos da coluna começam a encolher, enquanto os ossos e os ligamentos incham
- artrite na coluna (mais comum em idosos)
- defeito congênito (defeito de nascimento), tal como crescimento anormal da coluna
- Doença de Paget óssea (uma doença na qual os ossos crescem de modo incorreto)
- acondroplasia (nanismo)
- tumores na medula
- lesão por traumatismo
- hérnia de disco ou deslocamento de disco

Os riscos das cirurgias de coluna são:

- lesão em algum nervo da medula espinhal
- tratamento malsucedido (a dor persiste após a cirurgia)
- retorno da dor nas costas (particularmente após a fusão vertebral)
- infecção no local da incisão cirúrgica ou nas vértebras
- coágulos sanguíneos nas pernas
- dificuldades respiratórias
- infecções
- perda de sangue
- ataque cardíaco
- acidente vascular cerebral (AVC ou derrame)
- reação à medicação

Enquanto se recupera o paciente deverá:

- evitar atividades muito cansativas e levantar peso
- ter cuidado ao subir escadas
- caminhar e aumentar as atividades gradualmente
- agendar e ir a todas as consultas de acompanhamento

A laminectomia com frequência aliviará muitos dos sintomas da estenose vertebral. No entanto, não poderá evitar futuros problemas de coluna. Nem todos os pacientes obterão alívio completo da dor.

Os pacientes que também tiveram uma fusão vertebral têm maior probabilidade de sofrer futuros problemas de coluna.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Duloxetina: para tratamento de dores neurogênicas e enxaquecas.

Exame de urina

Equimoses