Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2016

Doença de Gaucher

Imagem
A doença de Gaucher é uma doença em que ocorre um acúmulo de glicocerebrosídeos em vários órgãos do corpo, prejudicando o funcionamento deles. Há três tipos da doença: tipo I, não neuropática, que é a forma mais comum; tipo II, neuropática infantil aguda, que começa tipicamente dentro de seis meses após o nascimento e tipo III, neuropática crônica, que pode começar em qualquer momento na infância ou mesmo na idade adulta. A doença foi descrita originalmente pelo médico francês Philippe Gaucher, em 1882.

A doença de Gaucher é uma doença genética na qual ocorre uma deficiência da enzima glucocerebrosidase, levando a um acúmulo de glicocerebrosídeos nas células brancas do sangue, especialmente nos macrófagos e também no baço, fígado, rins, pulmões, cérebro e medula óssea. A doença é causada por uma mutação recessiva de um gene localizado no cromossomo 1 e afeta igualmente homens e mulheres. Os três tipos da doença de Gaucher são autossômicos recessivos. Assim, ambos os pais devem ser po…

Anemia de Falconi

Imagem
A anemia de Fanconi é uma forma rara de anemia que afeta crianças e adultos de todos os grupos étnicos e não deve ser confundida com a síndrome renal, também descrita por Fanconi e que, igualmente, leva o seu nome. A doença foi descrita originalmente pelo pediatra suíço Guido Fanconi.

A anemia de Fanconi é uma doença hereditária rara, autossômica recessiva, podendo ocorrer também por alterações ligadas ao cromossomo X. Ela é causada por mutações em genes envolvidos na reparação do DNA e na estabilidade genômica. Já foram identificados cerca de 15 genes responsáveis. Ela causa uma deficiência da medula óssea que impede a produção de células sanguíneas normais.

A anemia de Fanconi faz com que a medula óssea produza muitos glóbulos defeituosos, causando, além da anemia, outros problemas de saúde como a leucemia. Ela pode ser acompanhada de alterações em outros órgãos do corpo.

Apesar da anemia de Fanconi ser uma doença do sangue, ela pode afetar muitos outros órgãos e tecidos do corpo. …

Hipertensão arterial refratária

Imagem
A hipertensão arterial refratária (HAR) é definida como pressão arterial (PA) que permanece acima da meta apesar do uso de três classes de fármacos anti-hipertensivos e em doses eficazes, incluindo um diurético.

Os pacientes intolerantes a diuréticos e com PA não-controlada, apesar do uso de três medicações anti-hipertensivas de outras classes, também são considerados portadores de HAR.

A meta pressórica na população geral é inferior a 140/90 mmHg, e em pacientes diabéticos ou com doença renal crônica (DRC) (taxa de filtração glomerular <60 ml/min/1,73 m2; creatinina sérica >1,5 mg/dl em homens ou >1,3 mg/dl em mulheres; albuminúria >300 mg/24h ou >200 mg/g de creatinina) a meta a ser atingida é inferior a 130/80 mmHg.

Os pacientes com PA controlada com quatro ou mais classes de medicamentos anti-hipertensivos também devem ser considerados portadores de HAR.

Os fatores que predispõem à refratariedade ao tratamento anti-hipertensivo incluem mudanças na população, com…

Sintomas associados à Síndrome da Fadiga Crônica

Imagem
Além da fadiga crônica que dá o nome a doença, os pacientes com esta síndrome também costumam apresentar os seguintes sintomas:

1. Dificuldade de concentração e “memória fraca”.
2. Dor de garganta.
3. Dor muscular.
4. Dor articular.
5. Dor de cabeça.
6. Dificuldades em dormir.
7. Linfonodos discretamente aumentados e dolorosos.
8. Exaustão após esforço físico ou mental, mesmo após 24 horas de repouso.

Estes são os sintomas clássicos, porém, vários outros podem ocorrer como tonturas, diarreia, alergias…

É importante destacar que o exame físico costuma ser normal. O paciente se queixa de dores, mas nenhuma lesão é encontrada, queixa-se de febre, mas o termômetro nunca a mostra, os linfonodos dolorosos são normais à biópsia e a eletroneuromiografia não consegue comprovar a fraqueza muscular.

Esta incapacidade em se documentar as queixas dos pacientes muitas vezes levam a uma errada interpretação de que estão fingindo ter uma doença. Porém, assim como na fibromialgia, a síndrome da fadig…

Nódulos tireoidianos benignos: como deve ser o acompanhamento?

Imagem
A detecção de nódulos da tireoide assintomáticos aumentou. Não há consenso sobre a melhor maneira de acompanhar as lesões comprovadamente benignas na citologia e os nódulos não suspeitos à ultrassonografia. As diretrizes atuais recomendam exames de ultrassonografia seriados e reavaliação da citologia em caso de observação de crescimento significativo.

Para determinar a frequência, a magnitude e os fatores associados a alterações no tamanho de nódulos da tireoide foi realizado um estudo publicado pelo The Journal of the American Medical Association (JAMA).

O estudo observacional, prospectivo, multicêntrico, envolveu 992 pacientes com 1 a 4 nódulos de tireoide detectados por ultrassonografia ou citologia, benignos e assintomáticos. Os pacientes foram recrutados a partir de oito centros de referência em doenças da tireoide, na Itália, entre 2006 e 2008. Os dados recolhidos durante os primeiros cinco anos de acompanhamento, até janeiro de 2013, foram analisados.

O crescimento do nódulo (…

O câncer renal e a sua evolução

Imagem
Câncer renal, câncer dos rins, hipernefroma ou adenocarcinoma renal é um tumor maligno que afetas as células renais e que pode ficar restrito àquele órgão ou espalhar-se para outras partes do corpo.

Não são totalmente claras as causas do câncer renal. Sabe-se apenas que ele começa quando algumas células renais sofrem mutações em seu DNA, que passam a crescer e se multiplicar de forma rápida e desordenada, formando um tumor que pode se expandir para outras partes do organismo (metástases) e causar sérias complicações.

Apesar das causas do câncer renal ainda não serem conhecidas, alguns fatores parecem contribuir para ele, tais como idade avançada, tratamento para insuficiência renal, como a diálise, doença de von Hippel-Lindau (condição hereditária que afeta os vasos sanguíneos do cérebro, olhos e outras partes do corpo). Além disso, interferem negativamente também o hábito de fumar, a hipertensão arterial e a obesidade. Também algumas síndromes genéticas raras podem aumentar o risco …

Alimentação na adolescência e início da idade adulta pode ser fundamental na prevenção do câncer de mama.

Imagem
Peço perdão, inicialmente, pelo texto com conteúdo técnico, mas não quis alterar o original, para que não perdesse o sentido do mesmo.

Com o objetivo de avaliar a associação entre a ingestão de frutas e vegetais durante a adolescência e início da idade adulta e o risco de câncer de mama, foi realizado um estudo de coorte, prospectivo, publicado pelo British Medical Journal (BMJ).

A pesquisa contou com a participação de 90476 mulheres na pré-menopausa, com idades entre 27 e 44 anos, a partir do Nurses’ Health Study II, que completaram um questionário sobre dieta em 1991, assim como com 44223 dessas mulheres que completaram um questionário sobre sua dieta durante a adolescência em 1998.

As principais medidas foram a incidência de câncer de mama invasivo, identificada através de autorrelatório e confirmada através de laudo médico.

Os resultados mostraram 3235 casos de câncer de mama invasivo durante o seguimento até 2013. Destes, 1347 casos foram entre as mulheres que completaram um que…

Atrofia muscular

Imagem
“Atrofia muscular” é uma expressão médica usada para se referir a uma diminuição no volume de um músculo (massa muscular) e, consequentemente, da sua força.

A atrofia muscular é a resultante de várias doenças comuns, de estados de desnutrição ou simplesmente de falta de atividade ou exercício dos músculos. Existem várias doenças e distúrbios que podem levar à perda de massa muscular: câncer, insuficiência cardíaca, doença pulmonar obstrutiva crônica, queimaduras extensas, insuficiência hepática, distúrbios eletrolíticos, anemia, etc.

Outras condições, como sedentarismo, caquexia, denervação dos músculos, miopatias ou distrofias inflamatórias, etc, também podem causar atrofia muscular. Pessoas que passam grandes períodos de tempo sentadas, acamadas ou com condições médicas que limitam seus movimentos podem perder massa muscular e desenvolver atrofia.

Algumas condições médicas e enfermidades, entre outras, que podem causar atrofias musculares são miopatias associadas ao álcool, esclero…

Demência avançada

Imagem
Demência é uma doença progressiva e incurável. O último ano de vida é caracterizado pela deterioração gradativa de múltiplas funções fisiológicas e cognitivas.

Um estudo que acompanhou, durante 18 meses, 323 pacientes com demência avançada internados em “casas de repouso”, revelou que a mediana de sobrevida foi de 1,3 ano.

As complicações clínicas mais prevalentes foram: dificuldade de alimentação (86% dos pacientes), quadros febris (53%) e pneumonias (41%).

É difícil calcular a expectativa de vida do doente. Para orientar médicos, cuidadores e familiares foram organizadas as tabelas abaixo. A tabela 1 coloca em ordem crescente a perda das funções fisiológicas e cognitivas. Na tabela 2, estão as condições clínicas mais prevalentes na demência avançada.

Tabela 1: Estágios funcionais

Estágio 1: Nenhuma dificuldade subjetiva ou objetiva

Estágio 2: Queixas subjetivas de esquecimento

Estágio 3: Redução da capacidade de trabalho evidente aos colegas e dificuldade de viajar para locais novo…

Hérnia diafragmática

Imagem
Hérnia diafragmática é um defeito ou "buraco" no diafragma, músculo que separa o tórax do abdômen, o que permite que o conteúdo abdominal passe à cavidade torácica. A hérnia diafragmática pode ser congênita ou adquirida.

A hérnia diafragmática congênita é o resultado de uma falha do tecido do diafragma do bebê ocorrida durante a gestação. As hérnias congênitas são, na maioria das vezes, de causa desconhecida. A hérnia diafragmática adquirida é devida a uma lesão traumática penetrante ou contusa do diafragma, geralmente causada por acidentes de trânsito, quedas ou outros tipos de traumas. Elas também podem se dever a complicações de cirurgias no abdômen ou tórax.

O diafragma é uma fina barreira muscular em forma de cúpula entre o tórax e o abdômen. Ele separa os órgãos do tórax (coração, pulmões, etc) dos órgãos abdominais (estômago, intestinos, vesícula biliar, fígado, etc). O diafragma é um dos músculos que a pessoa usa para respirar. A hérnia congênita do diafragma faz co…

Hidrossalpinge

Imagem
A hidrossalpinge (do grego: hydro = água + salpinx = trombeta) é uma condição em que a trompa de Falópio encontra-se bloqueada, preenchida com líquido seroso ou claro. Se a trompa estiver cheia de sangue, fala-se em hematossalpinge e se estiver com pus, em piossalpinge.

A hidrossalpinge pode ser causada por uma infecção nas trompas, muitas vezes transmitida sexualmente (como clamídia ou sífilis, por exemplo). Essas infecções geralmente afetam as trompas de Falópio bilateralmente, embora possam ser unilaterais. Outras causas incluem cirurgias abdominais anteriores, aderências pélvicas, endometriose e outras fontes de infecção, tais como apendicite.

As trompas de Falópio têm o formato de uma trombeta, tubo com uma das extremidades dilatada, a qual é conectada ao ovário, e a outra extremidade é ligada ao útero. Normalmente, elas coletam a cada mês o óvulo que é liberado pelo ovário, que migra em direção ao útero, através delas, indo ao encontro do esperma. Este, por sua vez, logo que de…

Distonia

Imagem
A distonia é uma doença neurológica ainda pouco conhecida, mas que acomete cerca de 65 mil brasileiros, segundo dados do Ministério da Saúde.

Seu portador, na verdade, precisa aprender a conviver com movimentos involuntários — resultados de uma contração muscular muito forte — que causam dor, deformação do membro atingido e incapacidade funcional.

O problema pode afetar qualquer área do corpo, como mãos, pernas e até olhos e cordas vocais.

A falta de diagnósticos ocorre com frequência, e é comum o paciente passar de médico em médico durante anos e ainda assim receber diagnósticos errados, inclusive de tique nervoso.

Em dois terços dos casos de distonia não é possível identificar nenhum fator desencadeante ou causa.

Ainda assim, na chamada distonia primária, uma condição na qual a distonia é o único sintoma, a questão hereditária tem grande relevância e os sinais da doença costumam aparecer ainda na infância.

Os demais casos são chamados de distonia secundária, e podem ser ocasion…

Onfalocele: o que é?

Imagem
Onfalocele é um raro defeito congênito da parede abdominal, em que o intestino, o fígado e, ocasionalmente, outros órgãos, ficam fora do abdômen, numa bolsa de peritônio, devido a um defeito no desenvolvimento dos músculos da parede abdominal.

A onfalocele desenvolve-se ainda quando o feto está em crescimento dentro do útero da mãe e parece ser causada por má rotação do intestino ao retornar de sua posição originariamente externa para o interior do abdômen, durante o desenvolvimento. Alguns casos de onfalocele são devidos a um distúrbio genético subjacente, tais como a trissomia 13 (síndrome de Patau) ou 18 (síndrome de Edward). A síndrome de Beckwith-Wiedemann também está associada à onfalocele.

Bebês que nascem com onfalocele muitas vezes têm outros defeitos de nascimento, incluindo problemas genéticos, anormalidades cromossômicas, hérnia diafragmática congênita e defeitos cardíacos.

A bolsa que contém as vísceras é formada a partir do peritônio e se sobressai na linha média do abd…

Revisão sobre o tratamento do déficit de atenção/hiperatividade na adolescência

Imagem
Apesar do transtorno do déficit de atenção/hiperatividade (TDAH) ser altamente prevalente em adolescentes e muitas vezes persistir na idade adulta, a maioria dos estudos sobre o tratamento desta patologia foi realizado com crianças, conhecendo-se pouco sobre o tratamento do TDAH em adolescentes.

Com o objetivo de analisar as evidências para o tratamento farmacológico e psicossocial do TDAH em adolescentes, foi realizada uma revisão sistemática publicada pelo The Journal of the American Medical Association (JAMA).

Nos bancos de dados CINAHL Plus, MEDLINE, PsycINFO, ERIC e Cochrane Database of Systematic Reviews foram pesquisados artigos publicados entre 1° de Janeiro de 1999 e 31 de janeiro de 2016, sobre o tratamento de TDAH em adolescentes. Estudos adicionais foram identificados por listas de referências de artigos recuperados procurados à mão. A qualidade dos estudos foi avaliada usando critérios do projeto McMaster University Effective Public Health Practice Project. O nível de ev…

Uso de canabidiol em Síndrome de Tourette

Imagem
Foi publicada no DOU a RDC da ANVISA 66/2016 regulamentando a prescrição e importação de canabidiol:

"7) fica permitida, excepcionalmente, a importação de produtos que possuam as substâncias canabidiol e/ou tetrahidrocannabinol (THC), quando realizada por pessoa física, para uso próprio, para tratamento de saúde, mediante prescrição médica, aplicando-se os mesmos requisitos estabelecidos pela Resolução da Diretoria Colegiada - RDC nº 17, de 6 de maio de 2015."

A RDC 17/2015 já havia permitido que produtos contendo canabidiol e THC fossem importados em situações excepcionais.

Em seguida, o Conselho Federal de Medicina, por entender que não há ainda estudos científicos válidos amparando o uso do canabidiol em diversas doenças, manifestou-se publicamente dizendo que tentará reverter essa medida da ANVISA.

A cannabis sativa é conhecida como maconha ou marijuana, no espanhol. Possui vários compostos químicos, psicoativos ou não, chamados canabinoides. Estes atuam no SNC e no s…

Depressão pós-parto

Imagem
Depressão pós-parto é uma variação negativa do estado de ânimo que ocorre logo após o parto. Mais raramente, pode ocorrer uma forma grave de depressão pós-parto acompanhada de sintomas psicóticos, conhecida como psicose pós-parto. Anteriormente, acreditava-se que somente as mulheres pudessem sofrer depressões pós-parto, mas estudos mais recentes mostram que essa condição também pode afetar os homens.

Acredita-se que não haja uma causa única para a depressão pós-parto e que fatores físicos, emocionais e de estilo de vida possam influenciar de alguma forma no surgimento da condição. Após o parto, ocorre uma mudança brusca da constelação hormonal da mulher, o que por si só contribui para um quadro de grande variabilidade do humor. Estas alterações hormonais podem produzir alterações químicas no cérebro que resultam em depressão. Somam-se a isto fatores emocionais próprios do nascimento de uma criança: privação de sono, pressão psicológica de natureza variada, sentimento de estar menos a…

Cientistas descobrem uma segunda pele capaz de amenizar as marcas da idade

Imagem
Cientistas do Massachusetts Institute of Technology (MIT), em parceria com o laboratório Olivo Labs, relataram a síntese e aplicação de uma camada elástica na pele feita com uma substância conhecida como crosslinked polymer layer (XPL), um polímero reticulado que imita as propriedades da pele jovem e saudável.

O XPL é feito de um material à base de polisiloxano regulável para elasticidade específica, contratilidade, adesão, oclusão e resistência à tração. O XPL pode ser aplicado diretamente sobre a pele, sendo de uso tópico, sem a necessidade de ativação por calor ou luz.

Em um estudo piloto, com humanos, os pesquisadores examinaram o desempenho de um protótipo do XPL que tem um módulo de elasticidade correspondente à resposta da pele normal à baixa tensão (<40%) e que resiste a alongamentos superiores a 250%, elasticamente com perda mínima de energia em repetidas deformações.

A aplicação do XPL para as bolsas de gordura formadas nas pálpebras inferiores de doze indivíduos resul…

Bartolinite

Imagem
Bartolinite é a inflamação de uma ou ambas as glândulas de Bartholin, inclusive com a formação de cistos ou abscessos.

As glândulas de Bartholin são duas glândulas que se localizam na vulva, na entrada da vagina, uma de cada lado, que têm como função produzir um fluido lubrificante da genitália feminina. Elas se exteriorizam para o interior da vagina através de um ducto, para lubrificá-la principalmente durante o ato sexual.

A abertura de uma ou de ambas as glândulas pode ficar obstruída, fazendo com que o líquido produzido por elas volte para dentro delas, resultando num cisto indolor ou num abscesso, quando este cisto sofre uma invasão bacteriana com formação de pus. Não se sabe ao certo a verdadeira causa dessa obstrução, mas conjectura-se que ela possa se dar por bactérias da flora intestinal ou em virtude de doenças transmitidas sexualmente.

Numa primeira fase da doença, o escoamento da glândula é bloqueado, resultando no acúmulo de fluidos no interior da própria glândula, forma…

Alveolite pulmonar

Imagem
A alveolite pulmonar, pneumonite de hipersensibilidade ou alveolite alérgica extrínseca é uma reação inflamatória imune que acomete o interstício pulmonar, bronquíolos e alvéolos pulmonares de indivíduos susceptíveis em virtude de uma hipersensibilidade dos pulmões a substâncias irritantes do ar. A expressão “alveolite alérgica extrínseca” é a que melhor descreve a doença, porque “alveolite” se refere à inflamação dos alvéolos, “alérgica” fala da reação de hipersensibilidade e “extrínseca” indica uma causa externa. O tipo mais comum da doença é conhecido como “pulmão de fazendeiro”, causado pela inalação do mofo do feno.

A alveolite pulmonar é causada, em pacientes susceptíveis, por uma grande variedade de precipitantes orgânicos inalados como finas partículas de aerossol. Entre estes precipitantes encontram-se bactérias, fungos, proteínas animais, proteínas de inseto, amebas e agentes químicos de baixo peso molecular. Ela é mais frequentemente associada a alergenos ocupacionais e po…

Caminhada e ciclismo são bons para a saúde, mesmo em cidades com altos níveis de poluição do ar

Imagem
A atividade física regular reduz o risco de doenças tais como diabetes mellitus, doenças cardíacas e vários tipos de câncer. Uma maneira para as pessoas aumentarem os seus níveis de atividade física é através dos deslocamentos ativos - por exemplo, caminhadas e ciclismo; no entanto, a preocupação tem sido o risco potencial para a saúde da poluição do ar durante a prática dessas atividades em ambientes urbanos.

A poluição do ar é um dos principais fatores de risco ambiental para a saúde das pessoas. Um relatório recente do Royal Colleges of Physicians and of Paediatrics and Child Health sugeriu que ela contribui para cerca de 40.000 mortes prematuras por ano no Reino Unido. Uma das principais fontes de poluição do ar nas cidades é o transporte com carros, motos e ônibus. Os deslocamentos ativos podem ajudar a reduzir a emissão de poluentes. No entanto, as pessoas que se deslocam a pé ou em bicicletas em ambientes urbanos inalam mais poluição, o que pode ser prejudicial para a saúde.

E…

Astrocitoma

Imagem
Existem diversos tipos de tumores no cérebro, cada um originário de um determinado tipo de célula nervosa. Os astrocitomas são tumores primários do cérebro, benignos ou malignos, originados de um astrócito, uma célula em forma de estrela que serve de sustentação para os neurônios.

Ainda não existe uma definição quanto às causas do câncer no cérebro. Sabe-se, apenas, que ele é mais comum acima dos 65 anos de idade, no sexo masculino e em pacientes com baixa imunidade. Existe também uma relação nítida entre tumores cerebrais e radioterapia feita na juventude. Há também uma influência genética para o surgimento do câncer cerebral.

Há doenças relacionadas a esse tipo de tumor, tais como (1) a neurofibromatose, que é constituída por uma série de nódulos na pele acompanhados de manchas cor de café com leite, que podem crescer de forma desenfreada, causando deformações no paciente e (2) a síndrome von Hippel Lindau, doença rara, caracterizada pelo crescimento anormal de tumores em partes do…

Consumo de bebidas açucaradas pode afetar a calcificação das coronárias

Imagem
O consumo de bebidas adoçadas e carbonatadas tem sido associado à obesidade, síndrome metabólica, diabetes tipo 2 e doença cardíaca coronária clinicamente manifesta (DAC), mas sua associação com doença arterial coronariana subclínica permanece obscura.

Investigou-se a relação entre o consumo deste tipo de bebida e o cálcio das artérias coronárias (CAC) em um grande estudo envolvendo homens e mulheres assintomáticos.

O trabalho foi publicado online pelo periódico American Heart Journal.

Este foi um estudo transversal envolvendo 22.210 homens e mulheres adultos que foram submetidos a um exame de "checkup" abrangente entre 2011 e 2013 (média de idade de 40 anos).

O consumo de bebida carbonatada adoçada com açúcar foi avaliado através de um questionário de frequência alimentar validado e o cálcio nas artérias coronárias (CAC) foi medido por tomografia computadorizada cardíaca.

Após análises estatísticas apropriadas, a prevalência de CAC detectável (pontuação CAC>0) foi de…

Afasia

Imagem
A afasia (do grego: a = não + fasia = fala) é uma perturbação da fala que ocorre depois de ela ter sido adquirida de maneira normal. Consiste na dificuldade de expressão e/ou compressão da linguagem falada e/ou escrita. É um enfraquecimento ou perda do poder de captação, manipulação e expressão das palavras. A afasia não é em si uma doença, mas um sintoma de uma condição subjacente. Dentre os tipos de afasia existentes, encontram-se a afasia de Wernicke, afasia de Broca e afasia global.

A afasia ocorre em virtude de lesões em alguns centros cerebrais. Geralmente, está relacionada a uma lesão do lado esquerdo do cérebro, em áreas responsáveis pela compreensão da linguagem. As condições clínicas que mais frequentemente causam afasia são tumores cerebrais, acidente vascular cerebral, doenças infecciosas como a meningite, traumatismos cranioencefálicos, epilepsias e o uso de algumas medicações. A causa mais comum é um acidente vascular cerebral cuja localização se dá junto à artéria cere…

Rosácea x Demência

Imagem
A rosácea é uma doença inflamatória crônica comum da pele, na qual é observada sobrerregulação de metaloproteinases de matriz (MMP) e peptídeos antimicrobianos (PAMs). Notavelmente, a inflamação, as MMPs e os PAMs também estão envolvidos na etiopatogenia de certas perturbações neurodegenerativas incluindo formas de demência, como a doença de Alzheimer (DA). Com base em diversas observações clínicas, foi investigada a associação entre rosácea e demência, incluindo a doença de Alzheimer, em registros dinamarqueses.

Todos os cidadãos dinamarqueses com idade maior ou igual a 18 anos, entre 1° de janeiro de 1997 e 31 de dezembro de 2012, foram ligados a nível individual através de registros administrativos. A regressão de Cox foi utilizada para calcular as razões de risco não ajustados e ajustados (HR).

O estudo envolveu um total de 5.591.718 pessoas, incluindo 82.439 pacientes com rosácea. Um total de 99.040 pessoas desenvolveu demência (qualquer forma) no período do estudo, das quais 29…

Disartria

Imagem
A disartria é um distúrbio neurológico caracterizado pela dificuldade de articular os músculos da fala, o que implica numa dificuldade na produção de fonemas. De uma maneira leiga, a disartria costuma ser referida como "fala enrolada," à semelhança com a fala de uma pessoa alcoolizada.

A disartria pode ser causada por danos no tronco cerebral e/ou nas fibras nervosas que ligam a camada externa do cérebro ao tronco cerebral, devido a uma lesão cortical ou periférica (paralisia dos órgãos de fonação). Dentre as principais condições clínicas que podem causar disartria, destacam-se os acidentes vasculares cerebrais, os traumatismos crânio encefálicos, algumas doenças neurológicas como a doença de Parkinson ou a doença de Huntington e algumas doenças neuromusculares progressivas como a miastenia gravis ou a esclerose lateral amiotrófica.

Embora pareça ser um problema de linguagem, a disartria é, na verdade, um problema motor. A extensão e a localização da lesão podem condicionar…