Marca-passo para o tratamento do Refluxo Gastro-Esofágico



Um novo tratamento para refluxo gastro-esofágico acaba de ser liberado no Brasil.

Sabemos que uma das causas do RGE é um "defeito" no esfíncter (mecanismos de contenção, válvula) que separa o esôfago do estômago.

Este "defeito" permite o retorno do suco gástrico que sobe em direção à garganta.

O novo tratamento é o aparelho EndoStim, que emite estímulos elétricos na parede do esôfago (veja a gravura), com descargas elétricas imperceptíveis que impedem que a válvula fique frouxa e permita o RGE.

Este aparelho é indicado em casos nos quais o esfíncter apresenta um relaxamento excessivo ou, ainda, em casos nos quais o paciente não responde a tratamentos com medicamentos ou até mesmo técnicas cirúrgicas.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Duloxetina: para tratamento de dores neurogênicas e enxaquecas.

Exame de urina

Equimoses