Indutores do sono: Halcion ou triazolan


O Halcion é o triazolam, um potente benzodiazepínico indutor do sono

O triazolam é caracterizado por atuar intensamente durante um curto intervalo de tempo, sendo considerado dos mais fortes soníferos produzidos.

Além dos efeitos colaterais comuns aos benzodiazepínicos o triazolam pode provocar lacunas de memória onde a pessoa sob efeito dessa medicação adota comportamentos estranhos à sua própria natureza sem que depois venha a se recordar disso.

Esse efeito talvez só ocorra em pessoas predispostas a alterações de comportamento quando entorpecidas, uma vez que fatos semelhantes podem ser observados em certas pessoas quando alcoolizadas.

Assim não se pode atribuir a essa medicação a característica de induzir a comportamentos anormais.

Nem todas as pessoas que tomam essa medicação estão sujeitas a apresentar esta reação indesejável.

O triazolam foi reintroduzido no mercado por mostrar-se seguro para o uso popular

A dose empregada costuma ser de 0,125 a 0,25 mg via oral ao deitar-se.

Não há testes para o uso em crianças e adolescentes.

Os idosos devem fazer o uso de forma cautelosa.

Para aqueles que nunca usaram hipnóticos, não é recomendável tomar esse como estréia: o triazolam deve ser administrado para idosos que já venham em uso de outros hipnóticos sem sucesso.

Esta medicação é completamente contra-indicada para mulheres grávidas
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Duloxetina: para tratamento de dores neurogênicas e enxaquecas.

Exame de urina

Equimoses