Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2015

Estazolam (Noctal)

Imagem
Trata-se de um medicamento para o tratamento da insônia ou dos distúrbios variados do sono.

O estazolam é uma medicação com curto tempo de ação sem metabólitos ativos o que permite uma utilização por tempo restrito como se deseja de uma medicação que ajude a dormir sem sedar durante o dia.

Além da indução ao sono (efeito hipnótico) nada mais se desejaria dessa medicação.

Efeitos colaterais: todos os demais efeitos como tonteiras, cansaço ou descoordenação motora.

Pode ser usada para menores de 15 anos de idade, mas não foi suficientemente estudada para idosos embora não haja contra-indicações, desde já, para o uso na terceira idade.

A dose deve ser ajustada de acordo com a necessidade de cada pessoa, iniciando-se pela dose mais baixa, e sendo gradualmente elevada até se obter o resultado desejado; assim a dose de início deve ser 0,5 ou 1mg via oral.

Para pessoas que já fizeram uso de outros hipnóticos sem sucesso a dose de início pode ser maior para não se perder tempo.

Biópsia Renal

Imagem
Uma biópsia é um procedimento mediante o qual se colhe um fragmento de tecido orgânico ou uma pequena quantidade de células (“amostra”) para posterior determinação da sua natureza, em laboratório.

Como a biópsia analisa apenas uma minúscula parte do tecido em causa, às vezes, por azar, esse pequeno fragmento do parênquima orgânico não apresenta sinais de doença, embora ela exista.

Nesses casos, havendo fortes suspeitas de doença é conveniente repetir a biópsia, na tentativa de se acessar uma região que esteja acometida.

Fala-se em biópsia renal quando essa técnica é aplicada ao rim. A biópsia renal é utilizada pelos nefrologistas sempre que outros exames não são capazes de esclarecer com precisão a doença renal com que estejam às voltas.

Nela retira-se um fragmento do rim, de um a dois centímetros de comprimento, por meio de uma agulha apropriada.

A análise microscópica desse fragmento permite, em muitos casos, estabelecer diagnósticos, tratamentos e prognósticos apropriados.

An…

Crise parcial complexa (Epilepsia)

Imagem
A crise parcial complexa, correspondente mais ou menos ao que anteriormente se chamava epilepsia do lobo temporal, é uma descarga epileptiforme focal que se origina em um dos lobos temporais e que posteriormente se dissemina para os lobos temporais dos dois hemisférios cerebrais.

Ela está na interface entre a neurologia e a psiquiatria, podendo produzir tanto sintomas motores como psíquicos.

As epilepsias do lobo temporal constituem o grupo mais frequente de epilepsias em pacientes adultos.

A diferença entre as crises parciais complexas e as crises parciais simples é que aquelas primeiras são acompanhadas por perturbações da consciência (crises psicomotoras, na denominação clássica), enquanto as simples não são e o paciente conserva a noção do que está acontecendo com ele.

As síndromes epilépticas podem ser causadas por defeitos genéticos, anomalias dos canais iônicos ou lesões específicas do cérebro.

Tipicamente, a crise parcial complexa ocorre devido à esclerose do hipocampo, m…

Hepatite A

Imagem
A hepatite A é uma infecção virótica aguda do fígado que evolui para uma cura espontânea em mais de 90% dos casos.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS) são registrados 1,4 milhão de novos casos da doença no mundo, todos os anos.

No Brasil, entre 2000 e 2011, foram diagnosticados mais de 138 mil casos de hepatite A.

Sua incidência é maior nos locais com saneamento básico precário, por isso a região nordeste do Brasil concentra o maior número de casos de hepatite A, seguida pela região norte.

A hepatite A é causada pela ingestão de água ou alimentos contaminados com matéria fecal contendo o vírus da hepatite A (VHA).

Esse vírus pode sobreviver fora do corpo por até quatro horas e resiste a temperaturas de até 20ºC negativos.

Outra forma de transmissão do vírus decorre do fato de alguém infectado com o vírus manipular alimentos sem lavar as mãos após usar o banheiro e entre crianças que levam os brinquedos e as mãos à boca, podendo, dessa forma, ingerir o vírus.

O período d…

Ebola: atualidades

Imagem
O hospedeiro primário do "Ebola" é um tipo de morcego frutívoro.

O homem se infecta ao comer a carne desse animal ou ao ter contato com outros animais que interagem com ele, como os macacos, os antílopes e porcos-espinhos.

A partir daí a transmissão acontece de pessoa para pessoa.

Lesões minúsculas na pele são a principal porta de entrada para o virus.

Uma vez dentro da circulação sanguínea, ele é "englobado" por macrófagos (um dos tipos de glóbulos brancos), mas os macrófagos não conseguem conter a infecção.

Dentro da célula branca o ebola vai até os gânglios linfáticos do pescoço, axilas e virilhas.

O vírus pode permanecer em multiplicação por cerca de 21 dias e depois rompe a parede dos macrófagos para se espalhar por todo o organismo.

No fígado, por exemplo, impede a produção dos fatores de coagulação e pode causar a falência do órgão.

Em resposta à invasão maciça o corpo produz substâncias que tentam trabalhar como uma espécie de "sinal de alerta", …

Óleo de Peixe

Imagem
Nomes conhecidos:

Óleo de Peixe, Óleo de arenque, Óleo de Salmão, Óleo de Atum, Óleo de Fígado de Bacalhau; Óleos Marinhos, Concentrado Lipídico Marinho, Trigicerídeos Marinhos, Lípideos Marinhos; Ácidos Graxos poliinsaturados Omega 3, ACPI, , EPA / DHA , Éster Etílico Omega-3, Éster Etílico EPA / DHA, PUFA

Uma grande parte do benefício do óleo de peixe parece vir a partir dos ácidos graxos ômega-3 que contém. Curiosamente, o corpo não produz seus próprios ácidos graxos ômega-3. Nem o corpo pode fazer ômega-3 e os ácidos graxos ômega-6, que são comuns na dieta ocidental.

Dois dos mais importantes ácidos graxos ômega-3 contidos no óleo de peixe são:

O ácido eicosapentaenóico (EPA)
O ácido docosahexaenóico (DHA).

Os peixes que são especialmente ricos em óleos benéficos conhecidos como ômega-3 ("os ácidos graxos") incluem: Cavala, Atum, Salmão, Esturjão, Tainha, Anchova, Anchova, Sardinha, Arenque, Truta e Savelha. Eles fornecem cerca de 1 g a 3,5g de ácido graxos ômega-3…

Fascite plantar

Imagem
A fáscia plantar é uma espessa faixa fibrosa que parte da tuberosidade do osso calcâneo e se estende por toda a sola do pé até se inserir na base dos dedos do pé.

Fascite plantar ou fasceíte plantar é um distúrbio doloroso comum que acomete o calcanhar e a sola do pé, nos locais de inserção dos ligamentos nos ossos.

Embora durante muito tempo se tenha pensado nela como um processo inflamatório simplesmente, hoje se pensa que ela envolve também alterações degenerativas e por isso a denominação "fasciose plantar" parece mais adequada, embora o nome antigo já tenha se consagrado.

As causas da fasceíte plantar ainda não estão totalmente esclarecidas, mas acredita-se que haja a participação de vários fatores.

Ela parece resultar de microtraumas repetitivos.

Geralmente ocorre em pessoas que ficam longos períodos na posição de pé, principalmente nas que têm pé chato ou que não são acostumadas com atividades físicas.

Frequentemente ocorre em atletas, por causa de esforços físic…

Spirulina: fantástica!

Imagem
SPIRULINA (alga marinha)

Proteínas: (85% a 90%), incluindo aminoácidos essenciais

A proteína na Spirulina está entre 85% a 95% digerível, uma das mais altas entre as disponíveis. Aliás, a Spirulina está em segundo lugar, perdendo somente para o ovo.

A Spirulina fornece vitaminas, muitos minerais, amino ácidos essenciais, carbohidratos e enzimas.

Ela é, pelo menos, 60% proteína de vegetal, a qual é pré digerida pela alga, tornando-a um alimento altamente digerível.

Tem mais proteínas do que qualquer outro alimento.

O seu perfil fora de série também inclui os ácidos gordurosos essenciais, os ácidos gordurosos GLA, lípidos, os ácidos do núcleo (RNA e DNA), complexo B, vitamina C e E e os químicos vegetais, tais como os carotenóides, clorofila (purificador do sangue) e ficocianina (um pigmento azul), a qual é uma proteína, que se sabe, evita o cancro.

A spirulina é indicada para quem faz dieta hipocalórica, como uma forma de complementar o consumo de nutrientes.

A spirulina contém u…

Síndrome do intestino irritável

Imagem
Você pensa que é só você que é irritável, mas não é! Seu intestino também é irritável e, em função disso você pode ter uma série de problemas com ele, como gases (flatos), diarreias seguidas de prisões de ventre, cólicas, distensão abdominal (abdome globoso), sensação de que "ainda falta alguma coisa para ser eliminada" e outros sintomas e sinais menores.

Tudo isso por conta de uma sensibilidade maior que seu intestino pode apresentar em função de uma série de coisas.

Tomando a palavra do Dr. Flavio Steinwurz, temos que "No passado, achava-se que o problema era puramente emocional. Hoje, sabemos que o intestino tem um segundo cérebro representado por mediadores e um sistema nervoso próprio. Sabemos também que a região do hipotálamo no cérebro, entre outras funções, é responsável pelo impulso das emoções e tem ligação direta com o sistema nervoso autônomo simpático e parassimpático. Sabemos, ainda, que o principal nervo do sistema parassimpático, o nervo vago, enerva to…

Luxações

Imagem
Uma luxação (veja no RX acima uma luxação de ombro esquerdo) é um deslocamento repentino e duradouro, parcial ou completo de um ou mais ossos de uma das articulações do corpo.

Em geral, uma luxação acontece quando uma força externa atua direta ou indiretamente sobre uma articulação, empurrando o osso para fora da sua posição normal.

É muito comum que isso aconteça nos traumas de certa intensidade. Embora seja possível ocorrer luxação em qualquer articulação, os locais mais comuns são ombros, dedos, joelhos, punhos e cotovelos.

Uma luxação pode ser completa ou incompleta. Chama-se luxação completa àquela em que os segmentos ósseos que constituem a articulação ficam completamente desunidos e luxação incompleta (ou subluxação) àquela em que a união dos segmentos ósseos é reduzida, mas não é completa.

Na maioria das vezes a extremidade do osso deslocado fica no interior da cápsula articular (luxação intracapsular), mas em alguns casos ela fica no exterior da mesma (luxação extracapsula…

Ácido úrico

Imagem
O ácido úrico é uma substância produzida normalmente pelo organismo.

Ele é um produto que resulta do metabolismo da purina (uma proteína contida em vários alimentos e no próprio organismo) e é eliminado principalmente pela urina e, em menores quantidades, pela bile e pelas fezes.

O nível de ácido úrico no sangue depende do ritmo da sua produção e eliminação, mas a concentração excessiva ou o déficit dele causam sintomas.

Seu excesso provoca o depósito de cristais em vários órgãos do corpo, principalmente articulações, causando gota, e rins, causando cálculos.

Níveis baixos de ácido úrico indicam a possibilidade de doença de Wilson ou câncer, bem como o uso de certos fármacos.

A dosagem sanguínea do ácido úrico é usada também para fornecer uma noção indireta do estado da filtração renal.

O excesso de ácido úrico, por ingestão excessiva ou produção aumentada, ocasiona o depósito de cristais de urato de sódio nas articulações, sob a pele, nos rins e em vários outros órgãos do corpo…

O que é HDL?

Imagem
O HDL colesterol, conhecido como “colesterol bom” ou lipoproteína de alta densidade, é um tipo de colesterol que ajuda a limpar o excesso de colesterol da parede das vasos sanguíneos. Ele leva esta gordura que está sobrando – a qual pode ser usada para formar as placas de gordura que causam doenças coronarianas – de volta ao fígado para ser processada.

Quando os níveis de HDL de uma pessoa são medidos, está sendo verificado como estão seus vasos sanguíneos e o quanto eles estão livres de colesterol.
Quais são as dosagens ideais de HDL no sangue?

Níveis de HDL abaixo de 40 mg/dL resultam em aumento do risco para doenças coronarianas, mesmo naquelas pessoas com níveis normais de colesterol total e de LDL colesterol (“colesterol ruim”). Dosagens entre 40 e 60 mg/dL são consideradas “normais”. Entretanto, níveis de HDL acima de 60 mg/dL podem proteger contra doenças do coração.

Sabe-se, há vários anos, que quanto maiores os níveis de HDL colesterol, melhor a proteção cardíaca.
Como podem…

Açúcar

Imagem
O uso de açúcar refinado é recente na história da humanidade.

Há uma população de diabéticos, mais de 6 milhões no Brasil, que poderia ser menor se o uso de açúcar refinado fosse mais restrito.

Intolerância à glicose é situação clínica que se torna cada vez mais freqüente.

• Tente acostumar-se a tomar café sem açúcar (argh!)

• Leia rótulos e observe atentamente a quantidade de açúcar existente no alimento!

• Uma simples lata de refrigerante contém 6 colheres de chá de açúcar => é incrível, mas é verdade!

• Observe a quantidade de açúcar existente nos cereais ingeridos no café da manhã. Muitos são carregados de açúcar. Prefira fibras naturais que contenham outros carboidratos e pouco açúcar.

• Escolha com cuidado o adoçante artificial. Prefira os adoçantes artificiais mais próximos do açúcar natural que, no entanto, não contenham seus componentes maléficos. Provavelmente sucralose e estévia sejam os melhores.

• O uso de adoçantes artificiais não é tão inofensivo quanto parece. Fa…

Sal: o mínimo que é preciso saber.

Imagem
Você não precisa ingerir mais do que 3 gramas de sal por dia.

A medida mais prática é feita com uma tampa de caneta Bic, que, quando cheia, pode conter um grama de sal.

Dieta pobre em sódio ou sal de cozinha reduz hipertensão.Os hipertensos sentem menos o gosto de sal e por isso mesmo salgam mais a comida.

Evite o sal. Ele não só participa do processo de endurecimento das artérias como também contribui para o aparecimento
da hipertensão arterial. Substitua o sal por pimenta,nas saladas por vinagre e azeite

Se você é hipertenso, faça churrasco sem sal. Use páprika picante.

Os substitutos de sal existentes nos mercados e farmácias sempre contêm uma certa quantidade de sal de cozinha, o cloreto de sódio. Investigue quais são os que têm a menor quantidade. O gosto destes produtos é dado pelo cloreto de potássio, que não tem os efeitos maléficos do sal sobre organismo.

Lembre-se, existe sal até em produtos que você não suspeita, como pão, bolos, biscoitos etc.

Cuidado com os queijos. Al…

Pranayama: um exercício respiratório

Imagem
De um ponto de vista (muito) simplificado, poderíamos dizer que pranayama é um prática ou execício respiratório.

Isto é sem dúvida uma definição demasiadamente limitada, mas vamos começar por aí.

A palavra “pranayama” poderia ser interpretada como extensão ou alongamento da energia vital (ayama = extensão / prana = energia vital). Alguns interpretam como sendo o controle do prana, pois yama significa controle.

Controle, extensão… Não importa. Importa o objetivo, a idéia por traz deste conceito.

Respiração, Mente e Prana estão fortemente relacionados.

Você já observou o que acontece quando sua respiração está irregular ou superficial ou rápida demais?

Sua mente, seus pensamentos acompanham o mesmo padrão, e certamente você não deverá estar se sentindo com muito vigor.

Quando estamos ansiosos, agitados ou nervosos nossa respiração tende a fica mais rápida e irregular.

Quando estamos desviltalizados, tristes, depressivos, a respiração fica mais superficial, fraca.

A respiração é u…

Linhaça

Imagem
Sua composição é azeite graxo - o azeite de linhaça (30-40%): Composto principalmente por ácidos graxos essenciais poliinsaturados (oleico, linolénico cis-linoleico e alfa-linoleico) e frações do tipo Omega-3.

Outros: ácido mucílago (10%), traz um heterosidio cianogenético: linamarina (1,5%), diglucosidios (linustatina, neolinustatina), apresenta ácido prúsico, fibra solúvel (pectina), provitamina A, vitaminas B, D e E, fitosteroides (estigmasterol, sitosterol, avenasterol, colesterol), lignano (secoisolarici-resinol diglucósido) e a enzima: linamarasa.

As investigações e a experiência clínica, têm demonstrado que o consumo em forma regular de Semente de linhaça, previne ou cura as seguintes doenças :

Câncer: De mama, de próstata, de colon, de pulmão, etc., etc. A Semente de linhaça contém 27 componentes anti-cancerígenos , um deles é a LIGNINA. A Semente de linhaça contém 100 vezes mais Lignina que os melhores grãos integrais. Nenhum outro vegetal conhecido até agora iguala essas …

Novo medicamento para o controle do peso.

Imagem
A Food and Drug Administration (FDA), dos EUA, aprovou hoje o Saxenda (liraglutide injetável) como uma opção de tratamento para o controle crônico do peso corporal, associado a uma dieta reduzida em calorias e à prática de atividade física regular. A medicação foi aprovada para uso em adultos com um índice de massa corporal (IMC) de 30 ou superior (obesidade) ou adultos com IMC de 27 ou superior (acima do peso), que têm pelo menos uma condição relacionada, tal como hipertensão arterial, diabetes tipo 2, colesterol alto ou dislipidemia.

O índice de massa corporal (IMC), que mede a gordura corporal com base no peso e na altura do indivíduo, é utilizado para definir a obesidade e o excesso de peso em categorias.

Segundo James Smith, vice-diretor da Division of Metabolism and Endocrinology Products in FDA’s Center for Drug Evaluation and Research, o Saxenda, usado responsavelmente em combinação com um estilo de vida saudável, que inclui uma dieta de baixas calorias e exercícios físicos, …

Gérmen de trigo

Imagem
O gérmen de trigo é um dos alimentos mais ricos em vitamina E .

Uma dose de 30 gramas por dia já garante a proteção das células.

A Viramina E protege as membranas celulares contra substâncias tóxicas, radiação e os temerosos radicais livres.

Liberados em qualquer reação química do organismo, eles causam sérios danos às estruturas das células, detonando o processo de envelhecimento, por essa razão a vitamina E se incorpora às membranas, impedindo essa degeneração.

O consumo freqüente dela, ajuda nos mecanismos de reparação celular. Revela Morton Scheinberg imunologista do Hospital Albert Einstein.

Apresenta na sua composição Auxonas, substância que induz o crescimento, a multiplicação celular e regeneração dos tecidos.

O consumo de vitamina B1 sem a presença de auxonas conduz a uma degeneração óssea e ao envelhecimento prematuro, daí que a sua presença em quantidade suficiente diminui a duração de estados convalescentes, aumenta o processo de renovação celular e de tecidos, assim c…

Tratamento para Hepatite C

Imagem
O Daklinza (daclatasvir), medicamento produzido pela Bristol-Myers Squibb, é aprovado pela Anvisa para ser usado no tratamento oral da hepatite C.

O pedido de registro consta no Diário Oficial da União desta terça-feira dia 6 de janeiro. A Agência está avaliando também a segurança e eficácia de outros dois princípios ativos considerados inovadores para o tratamento desta doença: o sofosbuvir e o simeprevir.

O Daklinza (daclatasvir) tem as vantagens de apresentar maior eficácia em relação às terapias já existentes, tempo reduzido de tratamento e os benefícios do uso oral da medicação.

Esta nova medicação é o primeiro inibidor pan-genotípico do complexo NS5A que permite o uso em combinação com outros medicamentos para o tratamento de infecção crônica pelos genótipos 1, 2, 3 e 4 do vírus da hepatite C (HCV) em adultos, possibilitando um menor período de tratamento.

De acordo com o Ministério da Saúde, cerca de 3% da população mundial pode ter tido infecção pelo vírus da hepatite C.

N…

Sudorese excessiva: simpatectomia

Imagem
O sistema nervoso simpático faz parte do sistema nervoso autônomo, responsável pelo controle involuntário dos músculos lisos e das vísceras.

O sistema nervoso autônomo é constituído por fibras nervosas localizadas perto das vértebras e das costelas e por uma cadeia de 23 pares de gânglios, dos quais partem fibras que se dirigem aos músculos lisos das vísceras e à musculatura do coração.

A outra parte do sistema nervoso autônomo é chamado parassimpático. O sistema nervoso autônomo simpático, de modo geral, estimula ações que mobilizam energia e o sistema nervoso autônomo parassimpático estimula principalmente atividades relaxantes.

A simpatectomia consiste na remoção cirúrgica de partes específicas do nervo simpático principal, geralmente realizada para tratamento da hiperidrose (sudorese excessiva) nas mãos, axilas e/ou planta dos pés, mas também com outros objetivos terapêuticos, como tratar o rubor facial, algumas dores crônicas e a síndrome de Raynaud.

Trata-se de uma cirurgia …

Bruxismo

Imagem
O bruxismo (do grego βρυχμός = ranger os dentes) é um transtorno funcional (um hábito) que leva o paciente a ranger os dentes de forma rítmica enquanto acordado e ainda mais fortemente durante o sono.

A pressão dos dentes inferiores e superiores, uns sobre os outros, pode ser até dez vezes maior do que a usada para mastigar alimentos duros.

Trata-se de um movimento involuntário dos músculos da mastigação, causando atrito entre os dentes.

O bruxismo pode ser observado em pacientes de todas as idades e apesar de ser mais frequente durante o sono, também pode ocorrer com o indivíduo acordado.

O bruxismo está altamente associado ao estresse, ansiedade, raiva, frustração ou tensão e pode atingir qualquer pessoa, independente da faixa etária.

O bruxismo diurno é uma atividade semi-voluntária de apertar os dentes inferiores contra os superiores e vice-versa e o bruxismo noturno é inconsciente.

Ele pode ainda estar associado à má oclusão dos dentes, a outros problemas do sono, como a ap…

Cacau

Imagem
Uma substância exclusiva do cacau pode melhorar o fluxo do sangue no cérebro.

Trata-se de um tipo especial de flavonóide. É o que revela um estudo publicado na revista “Neuropsychiatric Disease and Treatment”. De acordo com os pesquisadores, o composto pode ter impacto positivo nas funções cognitivas do órgão.

Ele poderia ser usado também em futuros tratamentos de casos de demência e derrames, por exemplo.

Presentes também no vinho tinto e em vários alimentos, os flavonóides são antioxidantes que reduzem os riscos das doenças cardiovasculares.No entanto, o flavonóide do cacau parece ser único.

O chocolate amargo, feito do cacau puro e sem a adição das gorduras do leite, contém alto teor de flavonóides. Porém, antes de uma corrida às lojas, vale lembrar que a maioria dos chocolates vendidos no Brasil tem pouquíssimo cacau, substituído
por gordura, açúcar e parafina.

Na pesquisa, realizada por cientistas da Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, envolvendo voluntários entre 59 …

Aminoácidos

Imagem
Os aminoácidos formam a estrutura das proteínas e são essenciais para o corpo humano.

Esportistas e fisiculturistas são as pessoas que mais se beneficiam com a suplementação de aminoácidos porque eles ajudam no reparo, crescimento e desenvolvimento do tecido muscular.

Os aminoácidos são essenciais para a produção de mais de 50 mil proteínas e mais de 15 mil enzimas, incluindo as enzimas digestivas, que devem estar em ótimo funcionamento para que você possa aproveitar ao máximo a sua alimentação e suplementação.

Os aminoácidos também influenciam no seu humor, na concentração, na agressividade, na atenção e no sono.

Os aminoácidos isolados são mais rapidamente absorvidos e assimilados do que as proteínas.

Eles influenciam atividades farmacológicas e fisiológicas, como, por exemplo: o anabolismo, a regulação hormonal e as funções neurotransmissoras.

As principais fontes desses aminoácidos são a carne, o leite e o ovo.

Depois que uma proteína é ingerida, as enzimas digestivas a quebram…

Sem ciclo menstrual...

Imagem
Alterações de humor, cólicas, dores no corpo e inchaço...

Muitas mulheres gostariam de dar fim "àqueles dias".

"Em tese, todas podem ficar sem menstruar", afirma Tathiana Parmigiano.

O ginecologista Elsimar Coutinho, de Salvador, defensor da interrupção da menstruação desde os anos 1960 e autor do livro Menstruação: Sangria Inútil, continua afirmando: "A mulher pode e deve parar de menstruar. Ela ganha mais disposição e não desenvolve anemia e doenças esterilizantes, como infecções pélvicas e endometriose".

A relação entre a menstruação e a endometriose, inflamação do endométrio, doença que afeta milhares de brasileiras, é direta: durante o ciclo menstrual, parte do fluxo sanguíneo é drenado das trompas para o interior do abdômen, causando a inflamação.

"Nossas avós menstruavam cerca de 40 a 50 vezes na vida, pois engravidavam cedo e tinham muitos filhos. Hoje, a mulher menstrua em média 350 vezes e está sujeita a algumas doenças relacionadas a…