Cotonetes: para que servem, afinal?

Tive um professor que dizia, brincando que o ouvido deveria ser limpo com o coto...vêlo, nunca com o cotonete!

Ele tinha muita razão, pois o cotonete, a haste de plástico com algodão na ponta, pode ser uma arma agressiva para o aparelho auditivo, para a orelha e para o timpano, particularmente...

Aqui, abaixo, você pode ver um tímpano, uma membrana timpânica, perfurada, provavelmente por uma destas hastes, durante uma "limpeza de ouvido". Olha só:


Você sabe, pelo menos deve ter ouvido algo a respeito, que o tímpano é responsável pela captação dos sons que são transmitidos para uma estrutura especializada em transformar os sons em sinais elétricos que são transmitidos para o cérebro "entender" o universo dos sons que nos cercam.

Veja abaixo uma ilustração que representa essa importante estrutura para o ser humano:


Então, quando se tem o tímpano machucado, lesado por qualquer motivo que seja, esta estrutura terá sérias dificuldades para "levar" o som para o cérebro e, mesmo que todo o resto do aparelho auditivo esteja perfeito, essa lesão levará à surdez.

Além de, antes de chegar à surdez, passar por dores de intensidade variável, intervenções cirúrgicas de complexidades variáveis, enfim, um estresse totalmente desnecessário, neste caso.

Portanto, evite o uso de cotonetes, pois, durante sua "limpeza", por algum motivo, um susto, um descuido, ou qualquer outro fator, você poderá vir a perfurar seu tímpano, aí, já viu: problemas e risco de surdez.

Lave sua orelha por fora, com pano macio e úmido. Se você apresentar muita cera na orelha externa, vá ao otorrinolaringologista para que ele cuida de fazer a higiene correta de sua orelha.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Duloxetina: para tratamento de dores neurogênicas e enxaquecas.

Exame de urina

Equimoses